Soneto da Catalogação

Pontos de acesso,
é uma iluminação
e o sucesso
é realizar a catalogação
se a poesia está em tudo
porque não imaginar
a declamação das formas
explícitas no ato de catalogar.

A biblioteconomia!
é o mais puro artesanato
onde a cognição é o instrumento de magia.

Do impresso ao eletrônico
não importa o formato
o que vale é o contato.

Mário Gaudêncio (Mossoró-RN, escrito inicialmente em 26 de novembro de 2008; previamente concluído em 04 de dezembro de 2008).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s