NUTSECA

NUTSECA
Nutre-se da seca
Seca que nutre
Núcleo de seca.

Sertão semiárido
Que serpenteia a vida
Aperreia a fome
E entristece a lida.

Sertão que alegra o povo
E é alegria do novo
Quando o grande verde é vigoroso.

Sertão de bela cor
De grandes chamegos
E de infinitos juninos festejos.

Mário Gaudêncio (24 de outubro de 2011).
“Escrito dentro do ônibus com trajeto de João Pessoa para Natal”.
Homenagem ao Núcleo Temático da Seca da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Escrito para as comemorações da Semana Nacional do Livro e da Biblioteca, 2011.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s